#PrecoJusto – eu apóio

Esse Felipe Neto é um bom garoto. Sobra arrogância, falta cabeça aberta, mas é um bom garoto.

Essa semana ele lançou no seu canal do Youtube uma campanha contra os preços abusivos que somos compelidos a pagar por culpa da carga imensa de impostos que cada produto carrega. No fim, ele só falou de produtos importados que interessam mais à classe média alta em torno dos seus 20 anos, MAS continua sendo uma boa intenção. Enfim, pode ser que ele tenha dado esses exemplos simplesmente porque são mais fáceis de mostrar o abuso que sofremos através de comparação com os países de fora. PODE SER.

Não fiz esse post pra falar mal do Felipe Neto, até simpatizo com ele. Mas simpatizei muito com a causa e estou aqui abraçando, quem saiba dessa vez seja possível quebrar a parede que separa “xingar muito no twitter” de um manifesto que realmente possa mudar nosso país pra melhor. Torço muito pra isso.

Entrem lá, pessoal. Só precisa do Nome, CPF (de verdade) e E-mail. Quem sabe podemos finalmente abolir pelo menos parte do estupro financeiro a que somos submetidos todos os dias.

www.precojustoja.com.br

Anúncios

Um pensamento sobre “#PrecoJusto – eu apóio

  1. Acho sinceramente que a carga triburia é abusiva sim… e devemos reivindicar uma reformulação urgente no sistema tributário e maior eficiência nos beneficios que o Estado deve prover aos cidadãos sim!!!!! Mas o Exemplos usados são simplesmente absurdos… todos os bens citados no videos são superfluos e visam atender uma elite que não representa a nem 3% da população brasileira, ou seja em tese eles deveriam realmente ser mais altos para que os produtos produzidos no Brasil e geram emprego para os outros 97% da população tenham prioridade. O preço abusivo do ensino superior por exemplo não foi citado… sabem porque???? Porque não sai da mesada desse pequeno-burguês metido a besta… Mas ele não é o único culpado por sua ignorância… todos nós somos! Ele disse uma grande verdade: “Nós não fazemos porra nenhuma!!” e quando alguém efetivamente está fazendo sempre tem alguém que está dentro dos 3% supra-citados que abafa tal informação na mídia ou manipula para fazer isso parecer vergonhoso…(ex.:movimento estudantil, greves operárias, ambientalistas, MST… entre outros)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s